Amor em Versos
O Amor Faz a Diferença!
Textos
Conquista Diária.
 
Um dia eu fui lavrador.
Como lavrador,
Eu cultivava plantas, cultivava vida,
A minha vida em teu coração.
Mas somos o que somos,
E assim progredi, ou regredi, não sei ao certo...
Deixei de cultivar e com outros afazeres me ocupei.
Aquela planta, tão bela e frutífera,
Promissora e de grande porte,
Sem cuidados, foi murchando.
Murchou tanto que morreu.
Sem eu ali, para regar, podar e aparar as arestas,
A praga da mídia tomou conta de minha lavoura,
Deixei de cuidar das plantas do nosso amor,
Mas não deixei de usufruir de seus frutos.
Hoje, minha lavoura de amor,
Não passa de um amontoado de ramos secos e sem vida.
A terra em que eu plantava, seu coração,
Deixou de produzir meus frutos
Passando a produzir outras ervas,
Que outro cultiva e cuida,
Rega e alimenta, diariamente...
 
Edison Mendes
Enviado por Edison Mendes em 12/02/2015
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
É muito melhor ser um grande entre os pequenos do que um pequeno entre os grandes                                                       Edison Mendes